2010-07-24

Amigo do Lula? Coisa boa não é - 2

“A Venezuela deveria romper relações com as gangues que sequestram, matam e traficam drogas, e não com um governo legalmente constituído”, comentou o embaixador colombiano na OEA, Luis Alfonso Hoyos

2010-07-23

Amigo do Lula? Coisa boa não é.

Rodrigo Constantino, para o Instituto Liberal

Para quem achava que nada poderia ser mais humilhante para Maradona do que a goleada contra a Alemanha, que eliminou a Argentina da Copa do Mundo, eis que o baixinho consegue surpreender. Ele surge em cena como garoto propaganda de Chávez, justo no momento em que o caudilho precisa de holofotes para desviar a atenção do caos doméstico. O socialismo vem destruindo de vez a Venezuela, gerando miséria e inflação, e Chávez precisa urgentemente criar factóides para lançar a atenção em outra direção.

A Colômbia é sempre o bode expiatório preferido. Aproveitando a fase de transição de governo no país, Chávez anunciou o rompimento total das relações diplomáticas com a Colômbia, fechando a embaixada em Bogotá e dando prazo de 72 horas para que os colombianos façam o mesmo. O gorila venezuelano ainda fez ameaças de guerra, alertando que teria que ir chorando para a batalha, mas teria que ir. Numa pirueta típica dos socialistas, Chávez joga a culpa da agressão para o governo colombiano, enquanto protege os terroristas das Farc em seu país.

O embaixador colombiano, Luis Alfonso Hoyos, fez duros ataques contra o governo Chávez, mostrando fotos e vídeos como provas da presença estimada de 1.500 guerrilheiros das Farc e do ELN em território venezuelano. A ligação entre Chávez e as Farc é conhecida e de longa data. Não custa lembrar, como bem o fez o deputado Índio da Costa, que o PT também tem ligações com as Farc, que não chega a ser tão próxima quanto a de Chávez, mas existe. O PT não é neutro quando se trata deste imbróglio entre Venezuela e Colômbia.
Ninguém sabe se desta vez o circo armado vai mesmo levar ao pior: uma guerra na América Latina. Mas uma coisa é certa: o papelão de Maradona nessa novela, posando como garoto propaganda de um caudilho fanfarrão.

2010-07-18

Os babacas

A primeira notícia:

O ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Henrique Neves decidiu neste domingo (18) multar em R$ 5 mil o vice-candidato à Presidência na chapa de José Serra (PSDB), Indio da Costa (DEM). Ele foi acusado pelo Ministério Público Eleitoral por pedir votos no Twitter e tem direito a recorrer da decisão do ministro.

Uau, um crime e tanto! O vice do Serra pediu votos pelo Twitter!!!! Temos que multá-lo já. Enquanto isso o Lula e sua corja usam DINHEIRO PÚBLICO para promover a sua leitoa e nada acontece.

A segunda notícia:

Menino foi morto com um tiro de fuzil enquanto assistia aula.

A famosa bala "perdida". Desta vez tiveram a decência de não usar a expressão que eu cansei de criticar aqui, aqui e aqui. O que ninguém diz é que o governador Serra diminuiu o número de assassinatos em São Paulo enquanto no resto do Brasil os crimes aumentam. Mais de 50 mil pessoas são assassinadas todos os anos no Brasil. São 130 assassinatos por dia!

Lula sempre gostou de assassinos. Basta ver como se emociona com Fidel Castro e com Ahmadinejad. A relação de Lula com assassinos locais e importados está descrita aqui.

Agora vem a última notícia do dia.

A proposta do governo, que vai ser discutida agora na Câmara e no Senado, proíbe palmada, beliscão e qualquer tipo de castigo físico que provoque dor em crianças e adolescentes.

Quer dizer que a grande medida para coibir o crime de Lula é proibir "palmadas" em um país onde ele permite 50 mil assassinatos, totalmente evitáveis, por ano? E ainda tem gente que vai votar na Dilma?

O brasileiro é realmente um babaca por excelência.

2010-07-11

Ilha prisão

Por Rodrigo Constantino:

A ditadura cubana decidiu soltar 52 presos políticos, que serão exilados na Espanha. Trata-se de uma concessão pragmática às pressões da comunidade internacional, lembrando que ainda existem mais de 100 presos cujo “crime” foi discordar do regime ditatorial dos irmãos Castro. O papel da diplomacia brasileira não poderia ser mais vergonhoso neste episódio.

Poucos meses atrás, Orlando Zapata morreu enquanto fazia greve de fome, justamente no dia em que o presidente Lula chegou para uma visita oficial ao país. Na ocasião, o presidente tomou o partido da ditadura cubana, e ainda comparou os presos políticos de Cuba a bandidos comuns. Leia mais aqui.

2010-07-05

Comunismo, capitalismo, liberdade e o óbvio

Vivemos em estranhos tempos. Não sei se antigamente era necessário repetir tantas vezes o óbvio. Vejamos:

Em 1789 até os inconfidentes mineiros já entendiam que a liberdade era o valor supremo.

Em 2010 o PT prega o comunismo em toda a América Latina. Sem muita originalidade, copiam a antiga Alemanha comunista e re-batizam o comunismo como "democracia popular".

O comunismo é um sistema onde o governo controla os meios de produção e, por conseguinte, o que cada indivíduo deve fazer. O terror pela liberdade é tamanho que os comunistas sempre controlam também os meios de comunicação para garantir que a sua "utopia" nunca seja manchada pela realidade.

Se o governo controla, a liberdade vai para as cucuias.

O capitalismo - esse mesmo que todo mundo critica - permite a liberdade de agir de acordo com os desejos individuais.

Por conta disso, o capitalismo estimula a liberdade enquanto o comunismo promove a tirania absolutista.

É duro ter que repetir o óbvio tantas vezes.

Só há dois tipos de comunistas: os idiotas e os mal-intencionados. E, claro, há muito mais idiotas do que mal-intencionados.